Análise BBB 20: O machismo de Petrix e o machismo de Hadson, qual a diferença?

Talvez você goste:

Simony Maiahttps://www.thehypestuff.com/
Estudante de jornalismo. Apaixonada pela cultura urbana e fotografia.

O Big Brother Brasil 20 (BBB) deste ano, começou em uma terça-feira, 21 de janeiro, seria mais uma edição comum se não fosse por um motivo, os influencers. Em algum momento da seletiva, Boninho – o diretor do programa – achou que seria uma boa ideia reunir pessoas que são famosas na internet e pessoas que não são famosas em um programa de convivência.

- Publicidade -

Nesta edição, pode-se dizer que esse não foi o único critério adotado para escolher os participantes, visto que a maioria das mulheres da casa levam consigo uma forte influência do feminismo e de união entre mulheres, já os homens representam um exemplo destemido de machismo, aquele que levanta a voz para uma mulher em rede nacional e as fazem se sentir inferiores, principalmente quando elas querem provar seu ponto de vista.

Esse ano o BBB foi dividido em dois times inicialmente: Camarote x Pipoca.

- Publicidade -

machismo bbb20
Reprodução: Jetss

Desde o início do programa muitas polêmicas vem acontecendo, mas sem dúvidas a linha entre “discussão de programa” e “coisas inaceitáveis” se rompeu quando o ginasta Petrix claramente assediou algumas mulheres bêbadas na casa em dia de festa, empurrou um jogador na disputa para atender o Big Fone, e planejou juntamente com outros participantes “destruir” a fama das meninas que namoram tentando seduzi-las para que elas fossem mal vistas pelo público.

Se você não acompanhou até agora a edição deste ano, tudo bem, iremos te mostrar os momentos em que ocorreram as transgressões:

No vídeo acima é possível notar que Bianca Andrade, também conhecida como Boca Rosa, estava visivelmente bêbada quando Petrix pegou em seus seios, no entanto, o caso passou despercebido pela produção do programa, que a chamou no confessionário no dia seguinte a festa, pois na internet estava acontecendo uma grande locomoção para denunciar o assédio que a moça sofreu. Porém, ao questionarem Boca Rosa do ocorrido, ela disse não se lembrar, diante disso a produção seguiu com a programação normalmente, sem ao menos mostrar o vídeo para a moça saber se foi assédio ou não – é sabido que o participante não pode ter acesso a esse conteúdo ao entrar lá dentro, mas talvez a situação pedia uma exceção.

E após sair impune do caso, Petrix se envolveu em outras diversas polemicas, ele continuou a desrespeitar outras mulheres bêbadas, o que nos leva ao seguinte questionamento: Se Petrix faz isso diante de milhares de câmeras e sai impune, o que o impede de fazer o mesmo, ou até pior, aqui fora, quando ninguém está vendo?

Depois de Boca Rosa, foi a vez de Mari Gonzales, que estava dançando tranquilamente quando foi pega por trás pelo ginasta que a pegou pelos seios. E mais uma vez nada aconteceu.

Em outra situação, também durante uma festa e com Flayslane visivelmente bêbada, Petrix esfrega suas partes íntimas na cabeça de Flay, enquanto seus amigos dão risada e acham a situação normal. Dificilmente um homem ao ver uma situação de assédio vai reagir, pois é melhor não causar conflito com os amigos do que defender um caso de machismo e injustiça.

E como se não bastasse, Petrix e Lucas Gallina tramaram um complô para queimar a imagem de algumas meninas que namoram aqui do lado de fora. O plano era seduzir as mulheres para que elas acabassem traindo os seus namorados, lembrando que Petrix e Gallina também namoram, ou seja, eles desrespeitaram suas respectivas parceiras, além das companheiras de jogo, o que pode ser assustador e um exemplo tão claro de machismo. A frase “elas que se virem” se referindo as namoradas, demonstra um pensamento patriarcal de que as mulheres tem que aceitar tudo que os homens fazem, sem questionar ou se sentirem mal.

Apesar de todas as atitudes machistas e que logo depois eram sempre mascaradas com a justificativa de que era apenas uma dança e uma forma de se divertir, Petrix conseguiu, enquanto estava dentro da casa mais vigiada do Brasil fingir ser um “bom moço” para as meninas que estavam lá dentro, chegando até a ficar contra os seus parceiros de jogo quando o “plano de sedução” foi descoberto.

Hadson sempre deixou claro a sua estratégia de jogo. Depois de ser confrontado pelas meninas e ser chamado de machista, Hadson agiu como se estivessem cometendo uma injustiça contra ele, e caiu em prantos dizendo que não é machista porque ele tem mãe.

De ali em diante, Hadson, que já havia sido machista muitas vezes desde o início do programa, só mostrou ainda mais esse seu lado. Para quem não se lembra, no começo da edição, Hadson discutiu com Flayslane porque ela havia “bebido demais” em uma festa.

Mas afinal, se Petrix e Hadson são machistas, qual é a diferença entre os dois e a forma que deixam claro o pensamento patriarcal?  Pois bem, Hadson é o típico homem que gosta de exibir toda a sua masculinidade por aí, aqueles que sempre querem falar mais alto e não tolera que apontem os seus erros. Hadson deixa claro sua posição, os aspectos de sua personalidade, com características como seu jeito “grosseiro” de agir e falar. Mas e o Petrix?

O Petrix é diferente, ele mascara o seu machismo. A fala doce e gentil do ginasta não deixa ninguém perceber esse lado sombrio. Petrix assediou muitas mulheres na casa, e o público apontou isso e demonstrou indignado, mas quem estava dentro da casa, pensava que tudo era apenas uma dança, uma brincadeira e que o Petrix tão amigável, sempre junto das mulheres, nunca seria capaz de armar qualquer coisa contra elas ou abusar de alguém. Pois é, isso foi tudo que ele fez, mascarou seu machismo em seu perfil de bom caráter e fez o que queria. Em momento algum depois que saiu da casa o jogador assumiu sua culpa.

O ginasta saiu da casa com 80% dos votos do público em um paredão quadruplo, e irá prestar seu depoimento para a Polícia Civil por assédio. Bianca e as outras meninas que foram assediadas também prestarão depoimento só que de dentro do confessionário.

O machismo está tão enraizado em nossa sociedade que pensamos que existe apenas um trejeito de homem agressor, mas não, homens que parecem ‘bonzinhos’ também podem sim assediar, porque o machismo não tem cara, ele existe e se esconde em pequenos detalhes, e é isso que o reallity show vem demonstrando ao decorrer dessa edição.

- Publicidade -
[js-disqus]

Ultimas notíciais

Manchester United processa SEGA por usar seu nome em ‘Football Manager’

O Manchester United iniciou um processo judicial contra a empresa japonesa de videogames SEGA pelo uso não licenciado de...

Final Fantasy XIV está disponível para download gratuito mas é somente até hoje

Depois de lançar uma demo para o Final Fantasy VII Remake no início deste ano, a Square Enix anunciou que seu multiplayer online de...

Sony está disponibilizado “Call of Duty: WWII” gratuitamente para download

A Sony anunciou que disponibilizará "Call of Duty: WWII" gratuito para os usuários do PlayStation Plus em junho. A Sony normalmente atualiza seus jogos...

Terceira temporada de Dark estreia em 27 de junho

Nesta terça-feira (26) a Netflix anunciou que a terceira temporada de Dark chegará ao serviço de streaming em 27 de junho. E você pode...

Netflix divulga o trailer da 4ª temporada de “Os Treze Porquês”

Tudo o que começou na escola Liberty com o suicídio de Hannah Baker tomou caminhos que ninguém jamais pudesse imaginar. Desde a morte de Hannah...

Leia também: