Greta Thunberg acredita que tenha contraído coronavírus

Talvez você goste:

Simony Maiahttps://www.thehypestuff.com/
Estudante de jornalismo. Apaixonada pela cultura urbana e fotografia.

A ativista sueca Greta Thunberg se tornou um ícone instantâneo depois que um discurso apaixonado sobre os perigos das mudanças climáticas se tornou viral, fazendo dela uma fonte de inspiração aos olhos de muitos – incluindo o presidente dos EUA, Donald Trump. Em pouco tempo, ela liderava marchas em todo o mundo, incluindo uma recorde em Montreal, Canadá, e enfeitou a capa da Time Magazine como Pessoa do Ano.

- Publicidade -

Basta dizer que a ativista adolescente se tornou um dos nomes mais amplamente reconhecidos em seu campo e, como tal, tem um alto grau de influência – principalmente no que diz respeito à demografia mais jovem. Hoje, Thunburg foi ao Instagram para compartilhar sua própria experiência com o COVID-19, o coronavírus mortal, revelando que ela acredita ter sofrido vários sintomas após uma viagem de volta da Europa Central.

“Nas últimas duas semanas eu fiquei lá dentro”, ela começa, enfatizando a importância das medidas de distanciamento social. “Cerca de dez dias atrás, comecei a sentir alguns sintomas, exatamente ao mesmo tempo que meu pai – que viajou comigo de Bruxelas. Eu estava me sentindo cansada, com calafrios, dor de garganta e tossindo. Meu pai experimentou os mesmos sintomas, mas muito mais intenso e com febre “.

- Publicidade -

Explicando que o protocolo de teste na Suécia é reservado para casos de emergência, Thunberg passou a auto-diagnosticar sua condição. “Portanto, eu não fui testada para o COVID-19, mas é extremamente provável que eu o tenha, dados os sintomas e as circunstâncias combinadas”, ela escreve. “Agora eu basicamente me recuperei, mas – E ESTA É A LINHA INFERIOR: Eu quase não me senti mal. Meu último resfriado foi muito pior do que isso! Se não fosse por outra pessoa com o vírus simultaneamente, eu nem suspeitei de alguma coisa. Então, eu pensaria que estava me sentindo incomumente cansada com um pouco de tosse. ”

Ela fecha implorando aos jovens que tomem consciência do vírus; mesmo que alguém não sofra de COVID-19 em um nível aberto, eles correm o risco de transmiti-lo a alguém que pode não ter tanta sorte. Espero que suas palavras possam ter repercussão em quem permanece em cima do muro sobre auto-isolamento, um processo que pode muito bem salvar uma vida. Fique seguro, pessoal.

 

Ver essa foto no Instagram

 

The last two weeks I’ve stayed inside. When I returned from my trip around Central Europe I isolated myself (in a borrowed apartment away from my mother and sister) since the number of cases of COVID-19 (in Germany for instance) were similar to Italy in the beginning. Around ten days ago I started feeling some symptoms, exactly the same time as my father – who traveled with me from Brussels. I was feeling tired, had shivers, a sore throat and coughed. My dad experienced the same symptoms, but much more intense and with a fever. In Sweden you can not test yourself for COVID-19 unless you’re in need of emergent medical treatment. Everyone feeling ill are told to stay at home and isolate themselves. I have therefore not been tested for COVID-19, but it’s extremely likely that I’ve had it, given the combined symptoms and circumstances. Now I’ve basically recovered, but – AND THIS IS THE BOTTOM LINE: I almost didn’t feel ill. My last cold was much worse than this! Had it not been for someone else having the virus simultainously I might not even have suspected anything. Then I would just have thought I was feeling unusually tired with a bit of a cough. And this it what makes it so much more dangerous. Many (especially young people) might not notice any symptoms at all, or very mild symptoms. Then they don’t know they have the virus and can pass it on to people in risk groups. We who don’t belong to a risk group have an enormous responsibility, our actions can be the difference between life and death for many others. Please keep that in mind, follow the advice from experts and your local authorities and #StayAtHome to slow the spread of the virus. And remember to always take care of each other and help those in need. #COVID #flattenthecurve

Uma publicação compartilhada por Greta Thunberg (@gretathunberg) em

- Publicidade -

Ultimas notíciais

Nike está fabricando máscaras faciais para ajudar no combate ao coronavírus

A Nike está fabricando máscaras faciais para ajudar no combate ao coronavírus, além de outras formas de equipamento de...

Nike está fabricando máscaras faciais para ajudar no combate ao coronavírus

A Nike está fabricando máscaras faciais para ajudar no combate ao coronavírus, além de outras formas de equipamento de proteção individual para médicos e...

Coronavírus pode significar o fim do mundo hype

O Business of Fashion e a McKinsey & Company lançaram uma nova atualização examinando os efeitos do Covid-19 na indústria da moda. Os resultados,...

Marcão do Povo sugere levar infectados por coronavírus a “campo de concentação”

Nesta quarta-feira (8) o apresentador do programa "Primeiro Impacto", Marcão do Povo, do SBT foi muito criticado nas redes sociais após sugerir que os...

Jennifer Lopez fala como a quarentena afetou seu casamento

Jennifer Lopez fez uma aparição virtual no The Ellen Degeneres Show e falou sobre como a pandemia de coronavírus afetou seu casamento. "Na verdade, isso...

Leia também: