Teaser da nova coleção da Supreme conta com a participação de holograma de Tupac

Talvez você goste:

Simony Maiahttps://www.thehypestuff.com/
Estudante de jornalismo. Apaixonada pela cultura urbana e fotografia.

Supreme lançou o teaser de sua nova campanha com um vídeo que mostra o polêmico holograma de Tupac Shakur do Coachella 2012. No clipe, as roupas da lenda do rap foram editadas para que ele pareça estar usando a boxer Supreme, o que sugere que Shakur será destaque na nova coleção.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Tupac Hologram/Supreme® 2020

Uma publicação compartilhada por Supreme (@supremenewyork) em

A “performance holograma” inicialmente foi orquestrada por Dr. Dre e Snoop Dogg, que fechou festival daquele ano como headliners – foi relatado que ficou custando entre US$ 100.000 e US$ 400.000 para produzir. Até hoje, continua sendo um ponto de discussãop polêmico por causa do precedente que ele colocou em trazer os artistas “de volta à vida”. Enquanto a maioria dos comentaristas no post da Supreme no Instagram acima parecia entusiasmados com a notícia, houve alguns que compartilharam suas revoltas.

- Publicidade -

Você pode re-assistir a performance do Coachella em 2012 abaixo e esperar para mais informações sobre o lançamento da Supreme  primavera/verão 2020 nos próximos dias.

Sobre Tupac:

Tupac Amaru Shakur (nascido Lesane Parish Crooks[1], Nova Iorque, 16 de junho de 1971 — Las Vegas, 13 de setembro de 1996), mais conhecido pelos seus nomes artísticos 2Pac, Makaveli ou apenas Pac, foi um rapper, ator e compositor estadunidense, considerado por muitos como um dos melhores e mais importantes rappers de todos os tempos. Em 2010, ele já havia vendido pelo menos 75 milhões de cópias pelo mundo. Além de ser músico, Tupac também foi ator e ativista social. A maioria das suas canções tratam sobre como crescer no meio da violência e da miséria nos guetos, o racismo, os problemas da sociedade e os conflitos com os outros rappers. O trabalho de Shakur é conhecido por defender a igualdade política, econômica, social e racial. Antes de entrar para a carreira artística, ele era um roadie e dançarino de hip hop alternativo. Começou a fazer sucesso quando entrou para o grupo Digital Underground.

Shakur tornou-se alvo de diversas ações judiciais e sofreu outros problemas legais. No início de sua carreira, ele foi atingido por cinco tiros e assaltado no corredor de um estúdio de gravação em Nova Iorque. Após o incidente, Tupac começou a suspeitar que outras figuras da indústria do rap ficaram sabendo do acontecido e não avisaram Shakur, o que desencadeou a rivalidade entre as costas Leste e Oeste. Mais tarde, Shakur acabou por ser condenado por abuso sexual e ficou preso durante onze meses, tendo sido libertado da prisão num recurso financiado por Suge Knight, diretor executivo da Death Row Records. Em troca da ajuda de Suge, Tupac teve de gravar três álbuns sob o selo Death Row.

Em 7 de abril de 2017, Tupac Shakur foi incluído no Hall da Fama do Rock and Roll, se tornando o primeiro rapper solo a realizar tal feito e fazer parte dos então únicos artistas de Hip-Hop no Hall da Fama do Rock and Roll, junto com o N.W.A, Public Enemy, Run D.M.C. e Grandmaster Flash and the Furious Five.

Na noite de 7 de setembro de 1996, Tupac, dentro do carro de Suge, foi atingido por quatro tiros num tiroteio, na cidade de Las Vegas. Ele faleceu seis dias depois, vítima de insuficiência respiratória e parada cardíaca, na Universidade Médica de Nevada. Após a sua morte, o jornal americano The New York Times citou-o como “o maior rapper de todos os tempos”.

- Publicidade -

Ultimas notíciais

Emicida diz que não comparecerá no protesto de domingo na Avenida Paulista e explica o motivo

Emicida foi até seu Instagram na sexta-feira (05), e em seu stories ele informou o motivo dele não comparecer...

Swae Lee faz cover de ‘I’ll Be Missing You’ do Puff Daddy

Depois de uma semana de protestos do Black Lives Matter em todo os EUA, Swae Lee compartilhou o cover de ''I'll Be Missing You''...

‘3 Brothers’: curta de Spike Lee que envolve morte de Eric Garner e George Floyd

O premiado cineasta Spike Lee lançou um novo curta chamado ''3 Brothers'', que vincula as mortes de Eric Garner e George Floyd ao seu personagem...

Lil Baby fala sobre brutalidade policial em nova música

Lil Baby está usando sua voz para aumentar a conscientização. Após dias de protestos em todo o país após a morte de George Floyd por...

Portal R7 publica analise falando que “Nem todas vidas negras importam”

Na última quinta-feira (04), Patricia Lages publicou uma análise para o portal R7 da Record fazendo uma crítica a onda de protestos e comoção...

Leia também: