Hinos que estão marcando e representando os protestos no Estados Unidos

Talvez você goste:

Enquanto o país continua a protestar contra os assassinatos de cidadãos negros desarmados, a música se tornou a trilha sonora da justiça e da reforma.

Várias músicas viram um ressurgimento nas transmissões mais de uma semana depois que George Floyd foi morto por um policial de Minneapolis – de “This Is America”, de Childish Gambino, a “Fuck tha Police”, do NWA.

De acordo com a Rolling Stone, o hino anti-brutalidade policial da polícia de 1988 registrou um aumento de 272% por cento nos fluxos de áudio sob demanda de 27 de maio a 1 de junho, em comparação com os cinco dias antes da morte de Floyd.

- Publicidade -

”Isso me faz sentir como um homem negro. É assim que me sinto – o mesmo de sempre”, disse Ice Cube à Rolling Stone em 2016, quase três décadas após o lançamento da música. ”Como pessoa negra, sempre pareceu uma guerra contra nós. É simplesmente terrível.”

“This Is America”, de Childish Gambino, ganhou mais de 1 milhão de transmissões na Blackout Tuesday e saltou 95 posições para a segunda posição no ranking do Spotify nos EUA, enquanto “Alright” de Kendrick Lamar, de To Pimp a Butterfly de 2015, subiu para a 26ª posição no ranking global do Spotify, seu posto mais alto de todos os tempos.

Outras canções de protesto, incluindo ”Freedom”, de Beyoncé e Kendrick Lamar, e ”They Don’t Care About Us”, de Michael Jackson, também viram um pico nos fluxos, junto com clássicos de décadas, incluindo ”I Wish I Knew How To Feel To Be Free” de Nina Simone e ”Say It Loud – I’m Black and Proud”, de James Brown, que atingiu 455%.

- Publicidade -

Ultimas notíciais

adidas Originals by Craig Green traz dois novos modelos inspirados em pele

O segundo drop da collab adidas Originals by Craig Green celebra o design de sneaker com uma técnica que...

Revelação do R&B nacional, Jall lança novo single “Saudade”

Chegou às plataformas digitais na última sexta-feira (10), "Saudade", novo single de Jall, em parceria com Donatto. O R&B, clássico gênero musical dos EUA,...

‘Sonhe Alto’ é a nova proposta do Rapper Hungria para sua terceira live

'Sonhe Alto' é a nova proposta do Rapper Hungria para sua LIVE. Um menino que saiu dos bastidores da vida para um protagonismo artístico....

Puma reinventa o futuro com os novos RS-X

A PUMA foi a primeira marca na história a trazer a tecnologia hardware e software para a experiência esportiva, há mais de 30 anos,...

Dia do Rock: conheça Chrissie Hynde, vocalista do The Pretenders, precursora do punk e new wave e ativista

“Homens nunca saberão a dor que uma mulher passa”, canta Chrissie Hynde, vocalista da lendária banda The Pretenders em uma das faixas do seu inédito...

Leia também: